O elo entre cães e humanos é uma das relações mais antigas e históricas que podemos conhecer pessoalmente. Diz-se que eles são os lobos que escolheram ou foram escolhidos para viver connosco, antes ainda de plantarmos colheitas. Estamos unicamente adaptados uns aos outros - conseguimos lê-los, e eles a nós. Um exemplo é a capacidade do cão de seguir o olhar humano: basta-lhes olhar para os nossos olhos e sabem onde está a nossa atenção, vendo da nossa perspectiva.

Esta ligação significa que há poucas coisas que conseguem trazer ao de cima tanta emoção pura e dura numa pessoa como um cão, e aqui no vale temos muitos companheiros de quatro patas. Este é um sítio para fazer amigos (peludos e não peludos). É muito adequado, visto que somos o Vale das Lobas. O Oreo e o Bobby, por exemplo, seguem-nos nas nossas caminhadas, dão-nos mimo quando trabalhamos no escritório, supervisionam a construção. Posso dizer-vos que o meu dia é melhor quando eles decidem visitar. Deve ser amor.